Gestão financeira para MEI: 5 Erros que podem ser fatais

Equipe SOMEI

Você sabe tudo sobre a importância da gestão financeira para o MEI?

Se você respondeu “Não” ou ficou em dúvida com a pergunta acima, não deixe de ler este artigo, ele será muito importante para o sucesso financeiro da sua empresa!

Nós sabemos, que o desejo de todo MEI é ver a sua empresa crescer, pensando nisso elaboramos este artigo com 5 erros relacionados a gestão financeira que todo MEI precisa evitar para ter sucesso nos negócios!

Você é MEI e quer ver a sua empresa crescer de verdade? Então, não deixe de acompanhar este artigo até o final, pois criamos um conteúdo muito especial para ajudar a sua empresa a crescer e ter uma gestão profissional!

Vamos então, conhecer os erros na gestão financeira que um MEI precisa evitar:

1. Não conhecer regras importantes da legislação MEI

Você não precisa ser um contador para conhecer algumas características importantes da legislação MEI. Na verdade, o MEI não possui nem mesmo a obrigatoriedade de contratar um contador, segundo a própria legislação do segmento.

No entanto, gostaríamos de apresentar para você algumas informações importantes sobre o MEI, evitando que por falta de conhecimento prejuízos financeiros possam ocorrer no futuro.

Qual o limite de faturamento do MEI?

De acordo com a legislação, o faturamento anual limite de uma empresa MEI é de R$ 81.000,00 em 2020. Sendo assim, de forma proporcional o seu faturamento mensal está limitado a R$ 6.750,00.

O MEI que se formaliza em junho, tem um limite de faturamento de R$ 47.250,00, ou seja 7 meses x R$ 6.750,00 no primeiro ano.

Porque é importante conhecer as regras de faturamento do MEI?

Muitos empreendedores ainda não conhecem a regra do faturamento proporcional e acabam ultrapassando esse limite, pagando mais impostos por isso.

Não queremos dizer que ultrapassar esse limite não seja uma coisa boa, muito pelo contrário, se você alcançou o teto de faturamento do MEI, é sinal que a sua empresa cresceu e será necessário optar por uma nova forma de tributação, como por exemplo, o Simples Nacional.

Portanto, é importante manter o controle financeiro e de receitas de vendas da sua empresa para monitorar o seu enquadramento como MEI.

Qual o valor da contribuição mensal do MEI em 2020?

Conhecer o valor dos impostos que devem ser pagos mensalmente também é muito importante para planejar-se financeiramente, veja os valores devidos por uma empresa MEI conforme o seu tipo de atividade:

● Atividades de comércio e indústria: R$ 53,25
● Serviços: R$ 57,25
● Comércio e Serviços: R$ 58,25

2. Não separar as finanças empresariais das finanças pessoais

Não separar as finanças empresariais das finanças pessoais, não é um erro exclusivo da falta de gestão financeira para MEI, mas também de outras empresas.

No entanto, para a garantia de sucesso nos negócios, precisamos entender a importância de não cometer esse erro.

De acordo com as boas práticas de gestão financeira para MEI, você que é microempreendedor precisa separar as suas finanças pessoais das finanças da empresa. Conhecer os números do negócio em detalhes, é o primeiro passo para a tomada de decisões assertivas.

Ao optar por não separar as finanças pessoais das empresariais, fica difícil identificar os custos e os lucros ou prejuízos da empresa.

Portanto, faça uma correta gestão financeira para MEI, você pode começar criando uma conta bancária para a empresa e estipulando uma retirada mensal que será o seu salário.

Você precisa conhecer o teto salarial que a empresa pode te pagar sem comprometer a saúde financeira dos negócios. Não ultrapasse esse limite!

3. Não contar com uma reserva de emergência

Um outro erro que é considerado fatal da gestão financeira para MEI, diz respeito a falta de uma reserva de emergências.

É importante que o MEI saiba que toda empresa independente do seu tamanho pode passar por momentos de dificuldades financeira.

No entanto, não basta apenas ter ciência disso, mas preparar a empresa para atravessar momentos como esse, sem deixar de honrar compromissos ou precisar recorrer a empréstimos com juros elevados.

Pratique uma gestão sadia da sua empresa MEI, procurando separar um percentual dos lucros de 5% a 10% para a formação de uma reserva de emergências, o restante, deverá ser utilizado em investimentos que façam a empresa crescer!

4.Não controlar as receitas e despesas da empresa

Não ter o pleno conhecimento de todas as receitas e despesas da empresa é sem dúvidas, um dos piores erros da gestão financeira para MEI.

O MEI precisa manter no mínimo um controle de tudo aquilo que a empresa tem a receber, assim como o que tem a pagar em determinado período.

Ao não conhecer todas as receitas e despesas da empresa, o empreendedor pode se deparar com a falta de recursos em caixa para pagamento de compromissos assumidos, um erro que pode ser fatal para a sobrevivência da empresa.

Pratique uma gestão financeira para MEI de sucesso, controlando todas as receitas e despesas dos negócios!

5.Não controlar adequadamente o estoque

Você sabia que ao não manter um controle adequado dos produtos em estoque, você que é MEI estará cometendo um grave erro de gestão financeira?

Pode parecer confuso, mas é a mais pura realidade. Afinal, cada produto em estoque possui um preço de custo, ou seja, um valor pago pela empresa para adquiri-lo, logo para que haja lucro e não prejuízo, esse produto precisa se transformar em uma venda.

Entretanto, quando não há um controle adequado de estoque, alguns produtos podem se perder pelo caminho, gerando prejuízos na gestão financeira para MEI.
Gestão financeira para MEI: Um presente da SOMEI para você!
Se você chegou até aqui, conheceu importante dicas de gestão financeira para a sua empresa MEI e com certeza pretende colocá-las em prática para ver a sua empresa crescer!

Nós sabemos da importância dos seus negócios e acreditamos nos seus sonhos, por isso desenvolvemos um aplicativo capaz de ajudar você a gerir melhor dinheiro da sua empresa!

Com o SOMEI, você contará com funções importantes para a sua empresa como controle de vendas, controle de estoque e controle financeiro. E o melhor, tudo de forma descomplicada, simples e GRATUITA. Clique aqui para baixar o SOMEI agora mesmo!

+ Artigos

Empréstimo para MEI? Saiba como conseguir

Desde que as medidas protetivas contra o Covid-19 iniciaram, uma forte crise econômica afeta as microempresas. Em muitos casos, as…

Ler artigo

Dicas para MEI: como reinventar seu negócio

Hoje queremos ajudar você com algumas dicas para MEI sobre como reinventar o seu negócio e sair desta crise econômica…

Ler artigo

Controle de estoque para MEI: Porquê você deve fazer

Você conhece e controla o estoque da sua empresa? Você sabia que o controle de estoque para MEI também é…

Ler artigo
Arrow-up
pt_BR
pt_BR